Como Escolher o Rejunte Certo – Dicas Para Casa 2018

como escolher o rejunte

Compartilhe com os Amigos

Quando chega na parte do revestimento muitas pessoas não sabem como escolher o rejunte certo para cada piso, pois as casas de materiais de construção contam com uma infinidade de pisos como porcelanatos, azulejos e etc.

O rejunte correto é fundamental para o acabamento do piso, além de ajudar na vedação atuando como um impermeabilizante. Por este motivo você deve conhecer bem cada um deles. Conheça a Kemp, referência no Brasil em Gerenciamento de Obras.

Dicas para escolher o rejunte certo

Os tipos de rejunte abaixo são específicos para cada local, eles servem como base para você escolher o ideal para o seu piso.

Rejunto cimentício

Este é o mais utilizado e mais barato. Você pode encontrar uma versão do rejunte cimentício para pisos e revestimentos de cerâmica e também para porcelanato.

No entanto, se você pretende usar em áreas úmidas como banheiro e outros ambientes é necessário que ela seja impermeabilizada. Isso porque ele possui grande capacidade de absorção, o que acaba manchando e acumulando sujeira nesses locais.

Rejunte epóxi

Este rejunte é indicado para piscinas. Ele é mais caro que do que cimentício, porém o seu acabamento é bastante superior, além de combinar com vários revestimentos.

Para isso, você deve usar o epóxi quartzolite, que é impermeável, antimanchas e antimofo. Por conta dessas características ele é o mais recomendado para os ambientes úmidos.

Rejunte de acrílico

Provavelmente você nunca ouviu sobre este rejunte, ele é mais moderno e conta com o melhor custo-benefício em longo prazo. Isso porque quando ele é aplicado corretamente, acaba oferecendo maior durabilidade ao acabamento o que compensa o valor mais caro em comparação aos outros.

Como escolher o rejunte certo para o acabamento 

O acabamento do piso é fundamental em uma reforma ou construção e para que ele fique perfeito você precisa escolher bem o tipo de rejunte e a cor que será utilizada, por isso observe algumas dicas para fazer isso.

Cor uniforme

Se você busca combinar o piso com a cor da parede de preferência as cores uniformes, assim você deixa o piso com aspecto de continuidade junto com a parede.

Por exemplo, se as cores da parede e do piso são claras, aposte no rejunte da mesma tonalidade.

Dê preferência às cores que escondem as manchas

Se você é uma pessoa que mora em uma região onde existe muita poeira, por exemplo, de construções próximas ou de areia da praia é importante optar por cores que escondam as manchas e sujeiras.

Por exemplo, tons mais escuros e no caso de areia você pode optar por uma cor mais clara para disfarçar. Esta dica também vale para as áreas úmidas que contribuem no aparecimento de manchas.

As principais cores do mercado

Para escolher a cor ideal para o seu piso é importante que você conheça as principais cores de rejuntes que estão disponíveis no mercado. São elas: camurça, cerâmica, chocolate, verde-água e argila.

Compre um pouco para testar

Muitas vezes as cores que são apresentadas na tabela ou na embalagem não correspondem à cor real do rejunte, depois que ele é aplicado no piso. Então para evitar arrependimento é recomendado comprar um pouco do rejunte para testar a cor.

Observe a facilidade de limpeza

Para ficar livre do visual encardido dos rejuntes prefira aqueles que são impermeabilizantes, pois facilitam a limpeza quando a sujeira estiver impregnada.  Outra forma é usar tons que não deixam as sujeiras em evidência como os tons mais escuros.

Para que você tenha um acabamento perfeito é importante saber como escolher bem o rejunte certo para cada piso para evitar manchas e mofo. Antigamente os rejuntes possuíam apenas uma cor, mas atualmente você encontra de várias cores para combinar com o piso.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é complicado aplicar o rejunte, o que você precisa é apenas seguir os procedimentos que são indicados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *